segunda-feira, 25 de abril de 2016


O silêncio desenha a voz da madrugada.
Luzes artificiais vão se apagando, gradativamente, acendendo o céu.
"Aquele punhado de estrelas sempre esteve ali?" E assim eu brinco de  me surpreender com as coisas do mundo.
Meu coração, antes acelerado com a força da musica, vai sossegando aos poucos. Minha calma notifica: hora de se instalar. Eu a recebo, mansa.
Gosto desse momento em que posso sentir a vida acontecendo sem justificativas.
O movimento lento. Dia esperando para nascer. Contrações da lua.
Quase ninguém na rua.
Carros recolhendo suas buzinas para o asfalto, finalmente, adormecer.

( Marla de Queiroz )




24 comentários:

  1. Claro.
    Há lugares para a noite
    e há lugares para o dia.

    "Aquele punhado de estrelas sempre esteve ali?"
    Sublime!

    Obrigado Frida.

    ResponderExcluir
  2. Lindo!! É o mundo se recolhendo à sua calma necessária, pois a roda do mundo gira!!!
    A imagem me lembrou um poster, uma foto estrelada, onde uma pessoa dizia:
    - Obrigado Senhor, pelos instantes livres e vagabundos em que posso olhar as estrelas!!
    Lindo post Frida...

    ResponderExcluir
  3. Querida Frida, não poderia colocar imagem mais linda neste post, então após o impacto visual o poema costura dentro da gente pura poesia, que faz a luz das estrelas brilharem mais, quando desligamos nossas maquinas e mecanismos, deixamos a energia da modernidade de lado, apenas somos seres capazes de sentir, se emocionar com um céu estrelado, se não conseguirmos mais isso, estaremos perdendo nosso capacidade de ser humano...então, esperemos o dia nascer e fazer desse dia que nasce, o melhor, todos os dias.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderExcluir
  4. Realmente é lindo estar neste instante, que as luzes se apagam gradativamente.
    Momento que o céu fica mais estrelado, que todo som cavalga mais longe e que
    a Lua belamente faz sua caminhada no seu nunca encontro com o Sol. Há poesia
    neste instante de olhar para o céu e para as poças de água no chão.
    Linda partilha amiga.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Gostei do texto, tão agradável...mas adorei a foto.


    Meu bem, enorme abraço :)

    ResponderExcluir

  6. ...num equilíbrio
    instável
    tudo amanhã ser.

    beijo

    ResponderExcluir
  7. Um belíssimo texto.
    Gostei.
    Continuação de boa semana, querida amiga Frida.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  8. Bonita escolha, Frida ;)
    O amanhecer a chegar...

    bj amg

    ResponderExcluir
  9. Lindíssima fotografia,maravilhoso e fantástico texto,gostei imenso da tua postagem!!

    ResponderExcluir
  10. A imagem é magnífica, Arco-Íris! E o texto a completa às mil maravilhas. Obrigado, boa semana.

    ResponderExcluir
  11. Um texto poético muito belo escolheu. A natureza é perfeita e pode nos trazer uma calma madrugada quando nos entregamos assim ao silêncio, em contemplação e em paz. Linda imagem. Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Um belo texto, gostei.
    Bom fim de semana, querida amiga Frida.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  13. Que bela imagem! E que poema mais lindo!
    Uma descrição terna e envolvente daquele momento em que a alma se aquieta para observar o despertar da noite e o adormecer dos ruídos comuns na agitação de um dia.
    Uma postagem, minha linda, de rara beleza!
    E tu, como estás? Continua na correria ou a rotina já te trouxe a aquietação necessária para prosseguir na tua caminhada? Só espero, meu anjo, que a tua vida esteja fluindo da forma que planejaste e que a saudade seja atenuada no propósito que te levou para terras tão distantes.
    Que te cheguem os sorrisos dos anjos de Deus e o brilho das estrelas divisadas aqui na nossa terrinha.
    Com carinho,
    Helena

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde, O poema de Marla de Queiroz é lindo, encanta, a imagem é maravilhosa.
    Boa semana,
    AG

    ResponderExcluir
  15. Muito lindo...a noite cobre todas as dores, é o momento em que podemos chorar em paz.
    Um grande e carinhoso abraço!

    ResponderExcluir
  16. Boa semana, minha amiga; aguardo o próximo post! Fica bem.

    ResponderExcluir
  17. Olá amiga.
    Que a semana esteja bela e alegre.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. OI ARCO IRIS!
    BELO DEMAIS FICA TUDO QUE PROCURA NA NOITE SUA RAZÃO DE SE FAZER PRESENTE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Voltei para ver as novidades.
    Continuação de boa semana, querida amiga Frida.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  20. Minha querida, abraço e bom final de semana :)

    ResponderExcluir
  21. Momentos mágicos de todos nós...
    Grande abraço, Frida!!!

    ResponderExcluir
  22. Boa noite, Frida.
    Fiquei imaginando cada cena de tão sensível que é a declaração.
    Silêncio, natureza, paz interior e um recomeçar!
    Tudo de bom.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir