segunda-feira, 19 de outubro de 2015



Se arrancarmos seus adornos, permanecerá sua pele
Se trocarmos sua pele, ficará seu sangue.
Se fizerem transfusão desse sangue, permanecerá o mais importante, imutavél, eterno: a alma cigana.

(Pedro Paulo Seródio Garcia)



9 comentários:

  1. O essencial.... esse é imutável.... é o interior do inteiror... a camada mais profunda de nós: Nossa alma.
    Bela verdade....!!!

    ResponderExcluir
  2. Querida Frida belo texto, tão verdadeiro, pois sem a nossa casca o que somos ? resta nossa alma, cigana, negra no meu caso, mas nossa essência. A foto está tão linda, o mar, o Sol, aqueles cabelos...
    ps. Carinho respeito e abraço.
    ps2 querida amiga, estou acabando com os comentários no meu blog, talvez o teu seja o último lá, e confesso que não entendi, sou meio lesado rs, estou pensando se comento os comentários deste último post com comentários...tenho pensado muito em água, mas cinco minutos para morrer para mim é muito.

    ResponderExcluir
  3. ¡Hola Arco-Iris!!!

    Bellísima imagen y sabias palabra las de Pedro Serodio. Magistral y muy cierto.
    Siempre es un placer pasar por esta tu casa.

    Te dejo mi cálido abrazo, mi gratitud y mi estima siempre.
    Se muy muy feliz.

    ResponderExcluir
  4. Espectacular foto e óptima legenda.

    Querida, abraço enorme :)

    ResponderExcluir
  5. Excelente
    o corpo e a alma
    no mesmo apeadeiro

    Bj

    ResponderExcluir
  6. Que belo!! A alma é intocável e irretocável. Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Insubstituível,transcendental e unica.
    Bjus

    ResponderExcluir