sábado, 8 de agosto de 2015



"E o corpo inteiro como um furacão
Boca, nuca, mão e a tua mente não"



12 comentários:

  1. Lembrou-me "a arte de amar" de Manuel Bandeira.

    ResponderExcluir
  2. Uma bela colocação, com imagem linda. A mente costuma se distanciar. Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Amo estas duas cores, mas não tinha reparado que combinadas ficavam tão incrível. Achei a melhor foto.
    Frase para se refletir. Algumas coisas imobilizam a nocividade da mente. Amar é uma delas.

    ResponderExcluir
  4. Ás vezes, a mente bate asas...
    Grande abraço, Frida!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi Frida.
    Bem isso mesmo. A mente nem sempre se faz presente.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá querida amiga, uma bela semana a você.
    Alma independente a voejar em outras paragens.
    Imagem magnifica.
    Beijos de paz.

    ResponderExcluir
  7. Acho que já te disse isso, Arco-íris, mas não me incomodo de repetir: impressiona-me a interação que consegues entre texto e imagem! Muito bom, amiga; boa semana.

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde, tudo em sintonia sem a mente que não está presente.
    AG

    ResponderExcluir
  9. Boa noite, Frida.
    Pois é, muitas vezes o nosso corpo está presente, mas a nossa alma muitoooooo ausente, essa é a grande verdade.
    Um corpo cedente aos desejos enquanto a alma pousa longe dali.
    Tenha uma semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  10. Corpo e alma = nem sempre em sintonia.
    Como sempre gostei imenso.
    Desejando que se encontre bem.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  11. ...quase a mesma coisa ao dizer:
    sim, acho que eu tb te amo.

    .....

    (estou bem. muitas coisas acontecendo
    e eu acabo me afastando)

    beijao

    ResponderExcluir