domingo, 19 de julho de 2015

“Ela, na sua magnífica força e coragem,
aprendeu a ser livre;
a gritar quando tem vontade,
a chorar quando precisar chorar
e a sorrir mesmo quando a situação não permitir sorrir.

E, perante os olhos intimadores dos
homens e de tamanha curiosidade,
ela levantou a cabeça e mostrou
que não era
uma boneca de porcelana,
mas que podia ser quebrada
várias vezes
e que sempre conseguia se juntar
sem perder nenhum dos pedaços.”



9 comentários:

  1. A melhor sensação é esta, de liberdade. Parabéns querida. Bom domingo.

    ResponderExcluir
  2. Frida.... há mulheres fortes.. que ao se quebrarem, se colam e su juntam em pedaços...
    Essa recolagem as torna mais belas, mais corajosas, mais fortes....
    Um doce beijo minha amiga.....

    ResponderExcluir
  3. Liberdade e fortaleza que merecem uma elegia, uma ode!

    Bjs, Frida!

    ResponderExcluir
  4. Hoje numa visita rápida inesperada estou aqui
    nesse dia consagrado aos amigos.
    Venho te deixar um abraço muito especial
    mesmo um pouco em falta nos últimos tempos.
    Mas logo espero estar retornando .
    Hoje é especial.
    Um feliz dia do Amigo.
    Amizade é tudo mas a palavra amigo tem peso pesado.
    Um beijo e uma semana abençoada.
    Fica com Deus.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  5. A força da mulher em toda sua excelência.

    bjo de luz
    L.L.

    ResponderExcluir
  6. A força da mulher em toda sua excelência.

    bjo de luz
    L.L.

    ResponderExcluir
  7. O texto e a foto são lindos, amiga! E é a pura verdade: é preciso coragem, para ser livre! Boa semana.

    ResponderExcluir
  8. Muito lindo este reconstruir-se.
    Beleza de inspiração em determinação de viver independente.
    Abraços com carinho.
    Beijo

    Caso não conheça depois passe por lá.
    Achei interessante amiga.
    http://recantodospoemasciganos.blogspot.com/

    ResponderExcluir