terça-feira, 19 de maio de 2015


Eu te amo não diz tudo, não mais. Se dissesse seria mais fácil, mas nos acostumamos a ouvir eu te amo como se isso significasse apenas "eu gosto muito de você".
Alguns dizem eu te amo para calar a boca do outro, ou para não precisar de explicações.
Infelizmente nos esquecemos do que esta por trás desse sentimento e tudo o que ele engloba. Se a gente se lembrasse o que diz realmente "eu te amo" nós repetiriamos bem menos essa frase, por que faríamos isso com mais respeito e consciência. Ou porque teríamos medo e vergonha na cara.
Eu te amo significa que eu te aceito, que aceito as tuas limitações e as tuas manias, que não vou te deixar mesmo que você fique doente, ou feio, ou chato, ou sem graça. Eu te amo significa que eu rezo por você e pela sua saúde, que eu desejo ser feliz ao teu lado, mas, antes disso, desejo que você seja feliz sozinho também. Eu te amo significa eu estou aqui. E que não vou soltar a sua mão, mesmo que isso leve nós dois para lugares estranhos e desconhecidos. Eu te amo e vamos juntos encontrar as saídas.
Eu te amo significa que não vou te machucar fisicamente ou psicologicamente. Significa que o seu sorriso é meu preferido, seus olhos são os mais bonitos e eu não troco a sua companhia por nada.
Eu te amo significa que você pode confiar em mim enquanto eu te amar. E que vou avisá-la quando eu não sentir mais amor por você por que quando um amor real chega ao fim, resta ainda consideração.
Eu te amo significa que você pode se apoiar em mim quando precisar e pode ter certeza que vou te dizer a verdade sempre, mesmo que isso te cause alguma dor.
Mas, hoje um eu te amo só trás um vazio de quem não tem responsabilidade com o outro. Hoje você diz eu te amo e amanhã consegue amar outra pessoa. Trocaram a intensidade da frase pela repetição dela, dizem eu te amo com a facilidade de apertar um interruptor.
Se você pensar em tudo o que essa frase representa, conseguiria dizer eu te amo com a mesma verdade? Teria coragem de dizer todas essas outras coisas para quem hoje você diz amar e se comprometer?
Se a resposta for sim, sinta-se orgulhoso, você aprendeu o real sentido do amor, e aceitou a responsabilidade que AMAR alguém, nos traz.
Se a resposta for não, respeite o seu próprio despreparo e diga apenas "eu gosto muito de você".
Não banalizar o "eu te amo" é um grande passo para aqueles que ainda não aprenderam a amar.

 (Camila Heloise)



6 comentários:

  1. Perfeito!
    Domingo, em uma festa, fui abraçada por alguém que me disse: "Nossa, você está tão bonita! Precisamos nos ver mais, senti saudades!"
    Logo desconfiei, pois nem temos intimidade... e então veio o pedido. Queria aulas de inglês. De graça. Tudo está tão banal!

    ResponderExcluir
  2. Perfeito....!!!!
    Eu sou homem, gosto muito de mulher Mulher é a coisa mais gostosa, mais preciosa do mundo..... mais rica,, mais linda mais tudo.
    Mas vejo homens, alguns amigos meus, dizendo no primeiro encontro : "Eu te amo"....
    Como se isso fosse a porta para obter sucesso sexual na primeira investida....
    O "EU TE AMO" é coisa séria.... ue deve vir do coração, da mente e de dentro do mais profundo do sentimento de respeito....
    POST NOTA UM MILHÃO....

    ResponderExcluir
  3. Adorei Mário Quintana, meu anjo e poeta, sendo o mestre de cerimônia deste texto belíssimo, reflexivo, com palavras que buscam e dizem a verdade, uma verdade que banalizamos e está no que está. Fala-se eu te amo para fazer sexo com alguém, é como se distribuíssemos eu te amos por aí, para quem lhe fosse conveniente...estamos mesmo esquecendo o verdadeiro sentido, acho que por isso estou só, porque é tão fácil ter alguém hoje em dia, a prórpria internet ajuda nisso, mas eu não quero só dizer eu te amo, eu quero fazer/viver todas essas coisas ditas no post, me preocupar, cuidar, ser cuidado, mas acho que meu tempo passou, já tenho quase 50 e não vejo muito futuro, mesmo porque temos prazo de validade, mas não perdi a esperança, acho que Deus não me deixará morrer só, ou melhor, sem ter vivido uma história de amor de verdade, e nem precisa ser de contos de fada. Eu me encanto e vibro com o que é legal, acontece muitas vezes, os blogueiros que frequento e vou descobrindo são muito criativos, inteligentes e sensíveis, então já me deparei com post que fiquei de boca aberta ao ler, mas do fundo do meu coração, fiquei deveras impressionado com a magnitude, e de uma forma simples, que este post é. Adorei ler, Camila Heloise.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderExcluir
  4. Frida, que bela postagem! Tanta verdade contida nesta reflexão!
    Sou feliz em dizer, amiga, que quando digo "eu te amo" para o meu companheiro, junto da expressão está todo um conhecimento do que é verdadeiramente amar, a responsabilidade e o peso de sua significância. E mais feliz ainda eu fico ao ouvir esta frase, pois bem sei da seriedade e do comprometimento que temos um para com o outro. O nosso "eu te amo" engloba tudo isto que o texto soube tão bem explicitar.
    Grata, meu anjo, pelo carinho demonstrado quando de tuas visitas ao meu cantinho.
    Ficam sorrisos a brincar entre as estrelas que brilham no teu olhar,
    Helena

    ResponderExcluir
  5. Olá, Frida.
    Belíssima postagem. Não só o "eu te amo" virou banalidade, parece que tudo que envolve esse sentimento superior que nos foi ensinado pelos deuses foi transformado em moeda de troca de momentos bem passados ou de história para os "facebooks" espalhados por aí.

    Bjn amg

    ResponderExcluir
  6. Bonito texto amiga.
    Eu te amo é de uma profundidade imensa.
    Haja doação, haja determinação, haja cumplicidade.
    O amor existe.
    Beijos.
    Estive pelas Minas Gerais de Maio para junho amiga e assim ainda estou atrasado com muitos amigos que me são pérolas.
    Um lindo fim de semana a você.

    ResponderExcluir