terça-feira, 16 de dezembro de 2014

 "martello batti, incudine statti"


Muito do que eu faço
Não penso, me lanço sem compromisso.
Vou no meu compasso
Danço, não canso a ninguém cobiço.
Tudo o que eu te peço
É por tudo que fiz e sei que mereço
Posso, e te confesso.
Você não sabe da missa um terço
Tanto choro e pranto
A vida dando na cara
Não ofereço a face nem sorriso amarelo
Dentro do meu peito uma vontade bigorna
Um desejo martelo
Tanto desencanto
A vida não te perdoa
Tendo tudo contra e nada me transtorna
Dentro do meu peito um desejo martelo
Uma vontade bigorna
Vou certo
De estar no caminho
Desperto

  (Martelo Bigorna)

12 comentários:


  1. Terrível cérebro que tanto nos ajuda quanto atrapalha! Às vezes, pensar demais faz mal, deixa o espírito em conflito, nos faz perder oportunidades e sensações. Quem é sábio o suficiente para saber o momento certo de analisar e
    o momento certo de se arriscar?
    Natal muito feliz pra você querida!...
    AbraçooO


    ResponderExcluir
  2. ¡Hola Arco-Iris!!!

    Nos dejas un precioso poema, un tanto melancólico... pero no por eso deja de ser menos bello.
    Es más, es exquisito. Gracias por darnos tanto y tan hermoso.
    Quiero desearte unas muy felices fiestas navideñas: Y un próspero muy próspero, año nuevo.
    Que todos tus sueños se hagan realidad, igual que para mí deseo.
    Besos en vuelo.

    ResponderExcluir
  3. Poema bem ritmado, com uma grande força.
    A vontade de seguir em frente, sem oscilações, segura de si mesma.
    Gostei!

    Votos de um muito Feliz Natal.
    Beijinhos
    Mariazita

    ResponderExcluir
  4. É importante andar no próprio compasso, percorrendo os altos e baixos da vida, mas levando a certeza de estar no caminho certo.
    Feliz NATAL! Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Muito bom, minha amiga! Mais uma vez, aliás; que bela seleção! Boa semana, fica bem.

    ResponderExcluir
  6. La Navidad es ese niño que nace en nuestro interior, que motiva en nuestros corazones los sentimientos más nobles y esa esperanza por un mañana mejor.
    Que el año nuevo traiga consigo un sueño por el cual luchar, un proyecto que realizar, un lugar donde descansar, amigos en quien confiar… Felices fiestas te deseo con mucho cariño!

    ____________________*_/\_
    _____________________) " (
    ____________________*Paz*
    ___________________*Unión*
    __________________*Alegrías*
    _________________*Esperanzas*
    ________________*Amor*Suceso*
    _______________* Realizaciones *
    ______________*Respeto*armonía*
    _____________*Salud***solidaridad*
    ____________*Felicidad****Humildad*
    ___________*Confraternización**Pureza*
    __________*Amistad**Sabiduría*Perdón*
    _________*Igualdad*Libertad*Buena Suerte*
    ________*Sinceridad*Estima***Fraternidad*
    _______*Equilibrio**Dignidad**Benevolencia *
    ______*Fe*Bondad*Paciencia*aventura**Fuerza
    ____*Tenacidad-Prosperidad *** Reconocimiento *
    __*Son mis deseos Feliz Navidad y Año Nuevo 2015*
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________
    ___________________ (`•.•´)___________________

    ResponderExcluir
  7. Belíssimo compasso nesses versos bem versados.

    Minha querida, um feliz natal cheio paz e luz e um ano novo repleto de coisas boas para você e todos os seus.

    Boas festas e até 2015!

    ResponderExcluir
  8. Bom dia, viver no compasso certo é certamente difícil ou impossível, isto porque o inesperado espreita numa qualquer esquina e acontece para o bem ou para o mal, lindo poema.
    Votos de um bom e feliz Natal.
    AG

    ResponderExcluir
  9. E nada mais se precisa além de um martelo e uma bigorna para se construir um poema...

    ResponderExcluir
  10. Magnífico poema, gostei imenso.
    Querida amiga Frida, desejo (de martelo... rsrsrs) que tenhas umas Festas Muito Felizes, na companhia da tua família e dos que mais amas.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  11. E muitos apenas querem ser martelo e bater e pouco moldar.
    Esquecem que a bigorna que ampara cada pancada da criação.
    Um texto perfeito cheio de reflexão.
    Linda partilha.
    Meu terno abraço.
    Beijo

    ResponderExcluir