terça-feira, 20 de maio de 2014



Era uma terça-feira atarefada, vinha de um lanche rapido em substituiçao ao almoço... caminhava a passos largos e apressados, aproveitava para vestir o jaleco, ajeitava os cabelos, estava atrasada... pensei comigo mesma que nunca me acostumaria com corredores de hospitais, sempre tao frios, longos e impessoais...
Apressei mais ainda o passo, cheguei em frente a porta... parei , respirei fundo e empurrei ... ao abrir, me deparei com ele do outro lado da enfermaria infantil... ele ria tranquilo como sempre, absorto no que fazia...
Olhei o nariz de palhaço, a gravata borboleta com desenhos infantis de carrinhos, ele soprava bolinhas de sabao no ar, imediatamente me veio a mente a frase que tinha lido em um lugar qualquer: -"Gente que nao liga nem de fazer papel de bobo pra tentar conseguir um sorriso seu"...
E era assim que as crianças estavam... sorrindo e  felizes...
E sem  que eu me desse conta, meu coraçao se aqueceu e transbordou de admiraçao...


9 comentários:


  1. Enquanto uma chora, outra ri; é a lei do mundo, meu rico senhor; é a perfeição universal.
    Tudo chorando seria monótono, tudo rindo cansativo;
    mas uma boa distribuição de lágrimas e polcas, soluços e sarabandas,
    acaba por trazer à alma do mundo a variedade necessária, e faz-se o equilíbrio da vida.

    Machado de Assis

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Acho lindo estes médicos do riso.
    Gente com a nobre missão de recriar o riso e a esperança.
    Fica como uma homenagem a estes anjos.

    Uma linda semana a voce amiga.
    Meu abraço com carinho e admiração.
    Beijo de paz.

    ResponderExcluir
  3. Desconhecia que no Brasil também existem esses maravilhosos seres humanos que se disfarçam de palhaços e se deslocam às enfermarias pediátricas para aliviarem o sofrimento das crianças e conseguirem um sorriso seu.

    São pessoas assim que ainda nos fazem ter esperança no lado sensível e generoso da Humanidade.

    DEus as abençoe e que alivie quem sofre!

    Minha querida, abraço-a com muito carinho.

    ResponderExcluir
  4. É muito bom conseguir rir mesmo na doença.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Bom dia!
    Isto sim é uma missão e tanto!
    Levar alegria até pessoas que perderam quase tudo na vida; que perderam quase a vida.

    ResponderExcluir
  6. Por vezes o calor da vida nos surpreende.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  7. Hay personas maravillosas que saben darle a los demàs un rio de fantasìas y sonrisas.
    un abrazo
    fus
    PD. No puedo hacerme seguidor tuyo porque me da un error.

    ResponderExcluir
  8. Impossível não aplaudirmos aqueles que provocam sorrisos em quem sofre, fazendo com que as dores, por instantes, desapareçam. Bjs.

    ResponderExcluir