quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014



Amor querido, é cheio de estradas, de climas, de sons.
Cheio de sorrisos, de trancos e barrancos, de escorregadores e soldadinhos que limpam as dores que escorregam de lá de onde ela vem.
Amor meu bem, pode morar nos olhos, entre a língua e o céu da boca ou nos pés. Não se apresse não, que amor desconhece tempo, amor confunde, mexe no peito, no dia, muda as cores e as coisas de lugar, mas não, não me olhe assim cheio de mar nos olhos, que amor é bonito, doido e as vezes doído, mas bonito, bonito de encher a boca pra falar, sim, é bonito falar com a boca cheia de amor.
Amor meu pequeno, é grande-grande, maior que o meu e teu céu juntos e cabe em nós. Amor é uma poeirinha azul marinho que transforma e transborda. Amor vai e vem, amor mora, amor vai embora sem avisar e deixa a gente sem entender nada direito. Amor embaça a visão, faz música pros ouvidos, arrepia a pele e muda tudo de novo. Amor é isso pra mim, aquilo pra você, outra coisa pro rapaz.
Mas saiba meu bonito, amor é leve, cheio de formas e pedaços espalhados por aí.
 (L.M)




5 comentários:

  1. Um post lindíssimo, da fotografia ao vídeo (com um texto para revisitar)!
    Obrigado, pela partilha!

    ResponderExcluir
  2. O amor é isso e se manifesta em formas mil.
    Para vive-lo é preciso saber desta água fria e limpa que escorre nos corações,
    que se permitem banhar neste mar de amor.

    Lindo texto, a imagem traduz um grande e louco amor e a musica é tudo.
    Lindo fim de semana minha amiga.
    Carinhoso abraço com muita paz e luz na sua vida.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  3. Minha querida

    O amor é mesmo assim, cheio de tudo o que nos aquece a alma. Muita ternura neste texto.


    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  4. O amor sempre se mostra completo...
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  5. O amor minha pequena é flor, é cor, é céu e é mar, quanto intenso e verdadeiro faz-nos voar, levitar... O meu por exemplo tem a cor azul, azul da cor do céu em dias de sol, azul da cor do mar.
    Um belo poema este que compartilhas e a música então do Caetano Veloso o fez uma obra prima. Obrigado pela partilha.
    Desejo uma abençoada semana repleta de paz e sucessos.

    Luz e Paz!!!

    ResponderExcluir