sábado, 23 de novembro de 2013

Eu me busco tanto em tudo que fiz da palavra “encontro” o fim da minha estrada.
E sigo caminhando a esmo com a obstinação dos que não têm destino certo, apenas a intuição de que chegarão nalgum lugar que não se chame “cansaço”.
(Marla de Queiroz)


2 comentários:

  1. Assim se tenta descobrir o improvável

    ResponderExcluir
  2. Definindo nossos caminhos já é difícil acertar, se caminhamos a esmo, então, o cansaço bate mais forte, penso eu. Bjs.

    ResponderExcluir