sábado, 28 de setembro de 2013

Tem espaço de sobra,
tudo me apequena,
mas acredite, não é tão mal assim,

tenho aprendido tantas coisas
encolhendo-me,

em pequena posso notar que a
grandiosidade é tão relativa,
às vezes, até bem menor que
as pequeninices...

ando assim,
mas é desse modo que encontro o
meu lugar no mundo
e os meus sonhos não correm risco...

(Be Lins)



5 comentários:

  1. Saudades de vir aqui e ler teus poemas... de conversar contigo!

    ResponderExcluir
  2. Oi, querida!

    Que sensato pensamento, você escolheu! Be Lins escreve muito bem, e tem contexto para as mais diversas situações.

    A imagem, que encima seu post é tão mimosa e doce! Parece uma boneca, num mundo irreal.

    Que bom! Temos que aprender com as coisas pequenas, os detalhes, para nos tornarmos GRANDES DE ALMA, um dia.

    SE PROTEJA, MINHA QUERIDA AMIGA!

    Boa semana, com amor e muita entrega.

    Beijos da Luz, com muito carinho e muita amizade.

    ResponderExcluir
  3. Melhor nos sentirmos pequenos, porque isso traduz o que representamos diante do universo. Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Que o encolher nos permita de saber crescer,
    Otimo pensar.
    Abraços.
    Bjo.

    ResponderExcluir