segunda-feira, 10 de junho de 2013

"Só eu sei... o que é morrer de sede em frente ao mar... só eu sei..."




8 comentários:

  1. Esquinas, Djavan... fantásticas letra e música. Bela escolha, boa semana!

    ResponderExcluir
  2. Oi, querida!

    Quantos/as de nós não experimentaram já tal sede!?

    Boa semana, com amor.

    Beijos, com carinho.

    ResponderExcluir
  3. Alguns anos antes o Milton e seu clube da esquina, já refletiam sobre a sede dos peixes para o que não há solução.
    Linda semana amiga.
    Meu terno abraço de paz e luz.
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Bonito blogue onde a harmonia das palavras se enlaça em frases perfeitas. As realidades de hoje são os sonhos de ontem e os desejos do amanhã. Gostei de ver e ler. Parabéns.

    Gostava que visitassem e, querendo, se fizessem seguidos/as. Fica o meu agradecimento. Obrigado.

    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/
    ********************
    Sou seguidor
    Linkei o endereço deste fantástico blogue, no meu ( Pensamentos e devaneios)
    *****
    Deixo cumprimentos

    ResponderExcluir
  5. A água do mar não mata a sede...talvez um lago seja melhor...

    Beijinho

    ResponderExcluir
  6. Olá Frida

    Já todos tivemos sede diante do mar....um mar de desejos que não controlamos.

    Gostei muito deste teu cantinho.

    Beijinho
    (vou seguir)

    ResponderExcluir
  7. Estar diante de uma água que não é saudável impossibilita saciar a sede, ainda que estejamos com os olhos ricos em beleza. Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Primeiro: essa música é linda!!
    Segundo: na minha atual situação vejo como muitas possibilidades e querer apenas uma (a mais dificil, diga-se de passagem).

    Até mais
    =^.^=

    ResponderExcluir