terça-feira, 14 de fevereiro de 2012


"Eu nunca sei como cuidar da minha dor, tampouco acho que alguém saberia, aí vem Deus e me desmente. Ele vem risonho, disfarçado de coisas e pessoas. São amigos que mandam uma mensagem carinhosa, um recado que chega quando menos se espera, uma pessoa querida que liga, uma reunião em família que faz o corpo sorrir, uma música, uma poesia."

Nenhum comentário:

Postar um comentário